Publicado em: 14/09/2021
Sete escolas da rede municipal de ensino retornaram com atividades presenciais

Teve início nesta segunda-feira (13/09) as aulas presenciais no sistema híbrido em sete escolas da rede municipal de ensino de São Lourenço. O retorno acontece seguindo o Protocolo Municipal Sanitário de Retorno às Atividades Escolares Presenciais (Híbrido), desenvolvido em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde (SMS).

As turmas que retornaram para as salas de aula com as atividades curriculares foram as do 1º ao 5º ano. As unidades de ensino que receberam as crianças foram as Escolas Municipais Melo Viana, Dr. Emílio Abdon Póvoa, Coronel Manoel Dias Ferraz, Ismael Junqueira de Souza, Manoel Monteiro, Ida Mascarenhas Lage e Frei Osmar Dirks.

Na próxima segunda-feira (20/03), será a vez das crianças que compõem as turmas do 6º ao 9º ano voltarem com as atividades presenciais no sistema hibrido.

Os alunos foram contemplados com o kit do aluno, que é todo material escolar (cadernos, canetas, lápis, borracha, canetinha, tesoura, dentre outros) necessário para a realização das atividades. De acordo com o protocolo de retorno às atividades presenciais, os materiais não poderão ser compartilhados. Já o kit do professor é composto por máscara, faceshield (protetor de rosto) e o material escolar para o desenvolvimento das aulas.

O Protocolo

O Protocolo Municipal Sanitário de Retorno às Atividades Escolares Presenciais (Híbrido) foi desenvolvido em consonância com as diretrizes do plano Minas Consciente. A comunidade escolar (profissionais, pais, alunos e sociedade civil), Câmara Municipal, Defensoria Pública e Ministério Público participaram do processo de escuta para desenvolvimento do documento.

Investimentos

Nos oito primeiros meses de gestão, o Governo Municipal investiu mais de R$ 8 milhões na educação de São Lourenço. Foram adquiridos computadores, tablets e demais materiais de informática, compra de novos veículos (ônibus, vans, carros de passeio e pick up), reforma e manutenção predial das escolas, kit merenda e alimentação escolar, kits do aluno e professor, além da aquisição de materiais esportivos que atendem as exigências do Ministério da Educação.