Publicado em: 03/05/2019
São Lourenço vai receber a Feira Nacional do Azeite, a FENAZEITE MANTIQUEIRA 2019. O evento vai acontecer entre os dias 17 e 19 de maio

São Lourenço vai receber a Feira Nacional do Azeite, a FENAZEITE MANTIQUEIRA 2019. O evento vai acontecer entre os dias 17 e 19 de maio no estacionamento do Parque das Águas, e está sendo promovido pela ASSOOLIVE, entidade de classe que congrega os produtores de azeite da Serra da Mantiqueira e de outras regiões do Sudeste.

Segundo o empresário Nelson Cunha, diretor da Minasplan e idealizador da FENAZEITE, para que o evento seja bastante atraente aos mais variados perfis de públicos estão  programadas para acontecer diversas atrações, como  o  SALÃO DE NEGÓCIOS e o PAVILHÃO DO AZEITE onde serão montados estandes para exposição e demonstração de produtos, equipamentos e serviços utilizados na cadeia produtiva do azeite e outros produtos correlatos.

Os produtores de azeite terão um espaço privilegiado para exposição,demonstração e degustação de azeite e uma Roda de Negócios envolvendo os compradores do produto. Segundo os dirigentes da ASSOOLIVE espera-se a geração de negócios da ordem de R$ 100.000,00 nos três dias de evento.

Será montada uma COZINHA MODELO com modernos equipamentos onde chefes de cozinha e outros profissionais da gastronomia vão demonstrar as qualidades e versatilidades do azeite brasileiro.

O público participante poderá degustar, harmonizar e perceber a qualidade e pureza do azeite produzido no Brasil e comparar com similares importados. Renomados profissionais que atuam desde a pesquisa, produção e consumo de azeite já confirmaram presença e vão abordar  temas de interesse do público em geral.

O objetivo é promover, divulgar e abrir novos mercados para o azeite produzido no Brasil. O evento pretende reunir os produtores de azeite para expor e comercializar seus produtos. A Feira está aberta também para as indústrias e fornecedores de insumos e equipamentos utilizados nas diversas fases de processamento do azeite.

Para a prefeita Célia Cavalcanti, sediar um evento como este, é valorizar não apenas nosso município mas também toda região, visto que, num raio de aproximadamente 200 quilômetros, encontramos a mais plural e diversificada produção de azeite do Brasil.

O Azeite na Mantiqueira

Minas Gerais é um dos estados que mais produz azeite extra virgem do Brasil, concentrando sua produção em municípios como Maria da Fé, onde tudo começou há 15 anos, Aiuruoca, Alagoa, Itanhandu, Itamonte, Barbacena, Campanha, Poços de Caldas, entre outros.

Na serra da Mantiqueira se destacam ainda cidades como Campos do Jordão, Lorena, Santo Antonio do Pinhal e Piquete, no estado de São Paulo e, no Rio de Janeiro, a produção está concentrada em Resende e Teresópolis.

 

Segundo o presidente da ASSOOLIVE Nilton Caetano, o Brasil está entre os países que mais consomem azeite em todo o mundo. Nosso consumo está na casa das 70 mil ton./ ano e a Espanha é o maior produtor mundial. Portugal é o maior exportador deste produto para o Brasil.

O país vem produzindo azeite em pequenas quantidades desde 2008, tendo boa parte da sua safra concentrada em Minas Gerais, onde a extração comercial iniciou em Maria da Fé, pequena cidade do Sul de Minas, relata o Engº Agrônomo da EPAMIG Luiz Fernando de Oliveira, Coordenador do Programa Estadual de Pesquisa em Olivicultura, locado no Campo Experimental de Maria da Fé (CEMF) onde desenvolve trabalhos com a cultura da oliveira e fruticultura de clima temperado.

A produção brasileira depois se expandiu para toda a Serra da Mantiqueira, Serra do Espinhaço e Serra da Bocaina entre outras, onde mais de 150 olivicultores se dedicam a esta atividade. A produção brasileira em 2018 foi da ordem de 170.000 litros sendo 70.000 litros oriundos das propriedades situadas na Serra da Mantiqueira.